Ao longo dos últimos anos os cruzeiros têm ganho cada vez mais adeptos a nível mundial. Em Portugal esse número também cresceu devido à aposta das companhias no mercado português aumentando o número de companhias e navios a atracar nos portos portugueses bem como a capacidade dos mesmos. Por isso, foi lançado um concurso para o novo Terminal de Cruzeiros, projecto ganho pelo gabinete do arquitecto português Carrilho da Graça, que assenta num conceito friendly do espaço, tendo em consideração os aspectos de conforto, acessibilidade, flexibilidade e rapidez nos serviços prestados aos passageiros, bem como a devida adequação ao tráfego actual e futuro de forma a proporcionar a Lisboa o aumento significativo dos cruzeiros que começam e terminam no seu porto.

O projecto que corresponde a um investimento global de mais de 25,5 milhões de euros e que ficará concluído em 2013, ao cabo de 24 meses de obras, terá quase 8 mil metros quadrados e receberá um parque de estacionamento com 500 lugares para viaturas ligeiras, 80 para autocarros de turismo e uma praça com capacidade para 50 táxis. Destacando-se pela funcionalidade nas operações de embarque e de desembarque, o Terminal de Santa Apolónia assegurará, também, a ligação aos transportes públicos, como o metropolitano e o comboio, e a facilidade de interface com os outros transportes, designadamente táxis, shuttles e autocarros. O novo terminal situar-se-á entre o actual Cais e a Doca da Marinha.

Mais info: Espaço de Arquitectura